[sobreventos]

O vento se dispersa pela sua rapidez ou é apenas uma característica?

[desfile]

with one comment

A cama, como cúmplice do ‘duende do sono’, não me deixou dela sair antes de pessoas estranhas e comuns desfilarem em meus sonhos. Após semanas sem lembrar deles, visitam-me filhos de oxum, acompanhado de seus pais, e pequenos erês. Os primeiros, brigados com seus progenitores. Os segundos, como que brincando com meu quotidiano, querendo dar a ele cores e alegria.

Hoje, o dia amanheceu cinza. Lindamente cinza.

Written by Marcos Corrêa [Kiambu]

[20, maio | 2007] às [7:00 pm]

Publicado em [pequenos ventos]

Uma resposta

Subscribe to comments with RSS.

  1. mamãe é doçura para embeber seus lábios e lembrar que o brilho tá por aí…

    sandy

    [20, maio | 2007] at [11:46 pm]


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: