[sobreventos]

O vento se dispersa pela sua rapidez ou é apenas uma característica?

[ouvindo Bethânia pelas lentes de Gachot]

leave a comment »

Redescobri Maria Bethânia em São Paulo. Retirado “nos Guiáis*”, o mais próximo que dela me aproximei foi através de um grande amigo, cujos CD’s, reunidos aos centos, continha alguma amostra dos inúmeros trabalhos da artista.

Aqui, numa terra que sinto minha, tive o prazer de assistir o show Brasileirinho. Penso ser, pelo pouco conhecimento que tenho, um dos seus trabalhos mais marcantes. Assisti-lo significou o contato com minha ‘nação’ e com sua medida exata de brasilidade, religiosidade, vida, força, morte, alegria e tristeza. Entretanto, não fui o único.

Domingo, 10/03, assistindo pela GNT ao documentário “Maria Bethânia: Música é perfume**”, feito por Georges Gachot em 2005, vi essa mesma brasilidade contida na canção de Bethânia através das lentes do diretor francês. Uma noção pouco familiar ao próprio brasileiro, mas que foi captada pela sensibilidade de um artista que conseguiu dar materialidade visual ao olhar (diria voz) de outro. Vale a pena conferir.

——————————————————————

* Guiáis é uma antiga denominação bandeirante da região que abrange os estados de Mato Grosso, Mato Groso do Sul, Tocantins, Goiás, Brasília e parte de Minas e São Paulo.
** GNT | Canal 41. (Reprise Sábado, 17 de Março às 16h; Domingo, 18 de Março às 08h e Domingo, 25 de Março às 08h)

Written by Marcos Corrêa [Kiambu]

[14, março | 2007] às [4:03 pm]

Publicado em [cinema]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: