[sobreventos]

O vento se dispersa pela sua rapidez ou é apenas uma característica?

[novos presentes]

leave a comment »

O tempo de quem cuido enviou-me mais presentes. Mais palavras. Desta vez, ‘navio de ferro que sulca o mar’. Terá ele, como nas embarcações que conduziam os antigos desbravadores, velas para poder seguir ao sabor dos ventos. Reconheço que eles são responsáveis por inúmeros descaminhos. Mas podem também conduzir ao desconhecido maravilhoso. Basta que nele se acredite. Pelo menos é isto que eu busco acreditar.

Atualmente os ares andam menos tempestuosos. Mas a temporada de ciclones ainda amedronta o horizonte. Quem sabe uma centelha não indique que o sol persistirá?

Written by Marcos Corrêa [Kiambu]

[4, fevereiro | 2007] às [11:36 pm]

Publicado em [tempestidades]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: